Pular para o conteúdo principal

Quando o objetivo com o seu blog, é ter um ótimo rankeamento no google e o aumento da busca orgânica, os conteúdos precisam ser atrativos e com valor. Isso consiste em entregar informação ao seu público-alvo para que ele o acompanhe de maneira recorrente e seja direcionado a comprar  de você.

Mas isso é feito de maneira natural, quando um possível cliente procura a palavra-chave predominante do seu texto, aumentam as chances dele cair no seu blog. Por isso é importante aplicar as práticas de SEO e seguir as dicas que separamos .

Dicas para criar conteúdos para blog

conteudo

Escreva com o intuito de ajudar o seu público

É importante que os conteúdos sejam de interesse do seu cliente, o texto realmente precisa ensiná-lo ou ajudar em relação a algum assunto e assim pode fazer o vínculo com o seu serviço ou produto.

Ex: Uma empresa que estrutura marketplace, quer aumentar o seu ticket médio em negócios de sustentabilidade. Então passará a dar dicas ou recomendações, de como um e-commerce de varejo verde pode atrair mais clientes.

Isso fará com que pessoas que desejam abrir um marketplace de sustentabilidade ou até mesmo quem já possuam um, tenha interesse em ler o conteúdo, e quando o indica para o seu site ele pode ter curiosidade de acessar e até mesmo de fazer um orçamento.

Identifique o seu funil

Vamos supor que você queria se comunicar com futuros clientes, com clientes que você quase fechou e também com clientes já fidelizados. Cada um deles faz parte de um funil, isso exigirá que o assunto e linguagem também se diferenciem, estão totalmente atreladas ao assunto ideal.

 

  • Fundo de funil é quando o cliente ainda não conhece a sua marca, por isso deve entregar o conteúdo de maneira que passe a identificá-la; 
  • O meio do funil é  o cliente que acompanha mais nunca comprou nada, precisa ter o interesse despertado para essa compra, seja um teste grátis, promoção ou condição especial;
  • Por fim, o topo do funil, é quando o cliente já está fidelizado, precisa sentir vontade de continuar consumindo e  também te indicar para outros consumidores;

 

Defina o assunto ideal

Você pode atuar com mais segmentos e tipos de clientes diversificados, por isso foque em um assunto de interesse. Se o seu site conversa com estudantes, professores, futuros alunos, cada um vai abranger um tema e um tipo de linguagem diferente.

Cada conteúdo deve ser para um desses perfis, assim você não se perde na escrita e nem deixa o seu leitor confuso. Pois ele precisa se identificar para despertar o interesse em ler outros conteúdos e também para visitar o seu site.

Isso consiste também, em usar mecanismos de buscas ou o apoio de uma consultoria, para identificar quais palavras-chaves e temáticas podem ser utilizadas nesse texto e aumentar o alcance em pouco tempo.

 

Observe a concorrência

É relevante observar que seu concorrente tem feito,quais assuntos tem trabalhado, ver como o público reage a esses conteúdos, qual a frequência de publicação. E claro, apenas usar como uma análise de mercado, afinal , todas as métricas de aperfeiçoamento já estarão no seu próprio site.

Pesquise conteúdos parecidos

Ler conteúdos com temáticas parecidas a sua, com sites que tenham objetivo de aparecer também, ajudam a criar inspiração e ter mais clareza sobre como pode tornar a sua estrutura de conteúdo ainda melhor.

Não fique na mesma tecla

Tente diversificar os conteúdos, não fique na mesma mesmice de temas, se não os leitores que te acompanhar vão enjoar. A diversificação e apoio dos mecanismos de buscas, ajuda a criar novos conteúdos e criar links internos para outros textos do blog.

Acompanhe as métricas

Depois de postar o conteúdo, confira o número de visualizações, tempo de tela, o quanto aquele conteúdo teve de alcance. Porque o caos precisa, por criar novas melhorias nele ou em conteúdos anteriores, e ampliar a sua entrega.

 

Gostou das dicas?
Leia também: 5 formas de trabalhar melhor as palavras-chave em seu site

 

Deixe uma Resposta

×